Por que o Atacama é um roteiro de tirar o fôlego?

O Deserto do Atacama é um dos roteiros mais desejados por quem sonha em viajar de moto e não é para menos. As paisagens possuem belezas únicas reveladas a cada quilômetro, montanhas nevadas, lagoas com cor turquesa, gêiseres, animais nativos e estradas perfeitas para quem gosta de uma aventura. Por estes e muitos outros motivos, não existe jeito melhor de conhecer o Atacama do que com sua moto.

Por que o Atacama é um roteiro de tirar o fôlego?

Para aproveitar o melhor de tudo que o deserto do Atacama tem a oferecer, é importante contar com um roteiro de viagem bem estruturado que além de incluir as principais atrações da região, também tenha o cuidado em oferecer hospedagens de qualidade e estradas que proporcione as melhores experiências de pilotagem.

É pensando nisso, que apresentaremos um roteiro feito por quem conhece profundamente o Atacama e é especialista em viajar de moto. Ao analisar uma rota que será desbravada quilômetro a quilômetro, devemos ter atenção não apenas ao ponto de partida e de destino, mas principalmente as estradas e atrações que elas guardam. Afinal, uma das grandes experiências das viagens de moto é a oportunidade de curtir todas as sensações e paisagens da rota.

Quebrada de Cafayate

A Quebrada de Cafayate, também chamada de Quebradas das Conchas é uma estrada localizada entre a província de Salta e a cidade de Cafayate na Argentina. Essa estrada se estende pela famosa Rota Nacional 68 que impressiona pelas paisagens geológicas e passa por vinícolas argentinas tradicionais. Vale a pena fazer uma parada para conhecer melhor a qualidade do vinho argentino.

Purmamarca

De Cafayate siga a Purmamarca que é mundialmente famosa pelo Cerro de los Siete Colores, o nome já revela qual a principal característica da região. As montanhas são multicoloridas e com formações imponentes que tornam o trajeto uma atração a parte.

A partir de Purmamarca você pode começar a explorar as estradas que cortam a Cordilheira dos Andes. Essa rota é repleta de curvas com uma altitude de 4800  metros e formações rochosas de tirar o fôlego, ingredientes perfeitos para que tenha uma das experiências mais intensas que poderia ter com sua moto.

San Pedro de Atacama

San Pedro de Atacama é uma pequena província que ainda cultiva as tradicionais ruas de terra e casa rústica; sendo cercada por lugares incríveis como os Gêiseres el Tatio, Valle de la Luna e as Lagunas Altiplânicas.

Litoral do Chile

Para fechar com chave de ouro sua viagem de moto, vale a pena seguir de San Pedro de Atacama em direção ao litoral do Chile. Nesta rota, você pode conhecer a “La Mano Del Desierto” e aproveitar o pôr do sol no Oceano Pacífico curtindo a brisa do mar.

  • Share post